Prefeito de Ipatinga é denunciado por falsidade ideológica e associação criminosa

Por G1 Vales de Minas

O atual prefeito de Ipatinga Jésus Nascimento (PSDB) e outras três pessoas foram denunciadas pelo Ministério Público por falsidade ideológica e associação criminosa. Segundo o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), o chefe do executivo, que também é proprietário de uma faculdade de direito, teria fornecido documentos falsos para o favorecimento de um candidato em concurso público.

O G1 teve acesso à denúncia nesta quinta-feira (19), porém o documento foi enviado para a Justiça no último dia 6, data em que Sebastião Quintão deixou o cargo de prefeito e o vice Jésus Nascimento assumiu a gestão. Além dele, foram denunciados um professor universitário, uma servidora da faculdade e um dos candidatos do concurso.

A promotoria informou que Jésus Nascimento teria forjado documentos para favorecer o candidato em um concurso público de remoção de cartório realizado em 2015. Segundo o Gaeco, os documentos falsos declaravam que o candidato era professor da faculdade e teria concluído um curso de pós-graduação na instituição em 2009. As provas foram adquiridas através de interceptação telefônicas.

“Com fim de galgar maior pontuação no certame e melhorar sua colocação dentre os aprovados na etapa de títulos do referido concurso, o denunciado apresentou declaração da Faculdade de Direito de Ipatinga (FADIPA)”, diz a denúncia.

Ainda segundo o Ministério Público, os denunciados se uniram para praticar inúmeros crimes. “Foram cometidas uma série de falsidades e o uso sequencial de documentos ideologicamente falsos desde outubro de 2015 a janeiro de 2017 para ludibriar o certame promovido pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais”.

Na denúncia, o MP sugere que a Justiça peça a prisão provisória do titular do cartório, que teria sido aprovado no concurso, até o julgamento do processo para que no final seja decretada a perda do cargo como efeito de sentença.

O G1 entrou em contato com a assessoria do prefeito, mas até o momento não obteve retorno.

CLOSE
CLOSE
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com