Dilma libera caminhões pipa para Aimorés

A presidente Dilma Rousseff anunciou hoje em Governador Valadares uma série de medidas para garantir o abastecimento de água para a cidade de Aimorés. O distrito de Santo Antônio do Rio Doce (Mauá) é o único onde a captação de água do SAAE acontece no Rio Doce e teve de ser interrompido após a chegada da lama proveniente do rompimento das barragens de Mariana atingir o Rio Doce.

Dilma se reuniu com prefeitos secretários e representantes da Defesa Civil e comunicou que o Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, general Adriano Pereira Júnior vai permanecer em Governador Valadares para auxiliar nos trabalhos.

O coordenador da Defesa Civil de Aimorés, Jorge Luiz Silva, encaminhou relatório detalhado da situação dos distritos de São Sebastião da Vala, Penha do Capim, Expedicionário Alício e Conceição do Capim, que também sofrem com o desabastecimento, em função da seca que atinge o Rio Capim. Nessas localidades a captação de água é feita pelo SAAE no Rio Capim, mas estão sendo interrompidas por causa da falta de água.

O Secretário de Desenvolvimento Econômico Walter Andrade, membro da Defesa Civil de Aimorés apresentou à presidente um relatório sobre a situação da cidade e solicitou auxílio para garantir o abastecimento dos distritos com água potável. Entre as solicitações está a perfuração de cinco poços artesianos, dois caminhões pipa, 2.500 litros de água mineral por dia, combustível para deslocamento dos caminhões e mil cestas básicas.

Entre as medidas anunciadas para Aimorés está a liberação de dois caminhões pipa, que devem chegar até o final de semana. Os veículos vão transportar água do rio Manhuaçu para atender o distrito de Santo Antônio do Rio Doce (Mauá).

A presidente Dilma Rousseff disse que a mineradora Samarco foi multada, de forma preliminar, em R$ 250 milhões pelo governo federal por dano ambiental e afirmou que outras punições ainda serão emitidas não só pela União, mas também pelos governos de Minas Gerais e do Espírito Santo. Dilma Rousseff desembarcou no aeroporto de Governador Valadares por volta das 13h15 desta quinta-feira. Ela chegou à Valadares de helicóptero após visitar Mariana, acompanhada do ministro da Educação Aloísio Mercadante, do Meio Ambiente Izabella Teixeira, da integração Gilberto Occhi, o prefeito de Mariana, Duarte Júnior, o governador de Minas Fernando Pimentel, do Espírito Santo Paulo Hartung, além do gabinete de crise, formado por representes da Defesa Civil, Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros.

Promotor vai acionar Samarco

O promotor de justiça Leonardo Castro Maia, coordenador regional das promotorias de Meio Ambiente e da Bacia do Rio Doce vai impetrar ação civil pública contra a Samarco para garantir que a Samarco Mineradora custeie os prejuízos de Aimorés, em decorrência do desastre ambiental que atingiu o Rio Doce. A proposta foi discutida hoje durante a reunião da Defesa Civil de Aimorés e aquela promotoria. Um relatório contendo os danos sofridos pela cidade foi entregue ao promotor

CLOSE
CLOSE
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com