Bolsonaro lidera e Haddad tem rejeição maior que Dilma, aponta DataFolha

Uma nova pesquisa divulgada nessa quinta-feira (18) pelo Datafolha indica que o candidato Jair Bolsonaro (PSL) tem grande vantagem para vencer as eleições e se tornar o novo presidente da República do Brasil.

Segundo o Instituto, Bolsonaro tem 59% do eleitorado e o seu opositor Fernando Haddad tem 41% dos votos válidos para a eleição de segundo turno.

Outro dado apontado pela pesquisa indica que a rejeição de Fernando Haddad é superior a aquela apresentada por Dilma Rousseff quando foi candidata em 2014. À época, a rejeição da ex-presidente era considerada alta e estava na casa dos 37%. Ainda segundo o DataFolha,  Haddad hoje tem 54% de rejeição.

Segundo dados da pesquisa, que foi registrada  com número BR -07528/2018, no TSE, 2356 pessoas foram ouvidas em 73 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

CLOSE
CLOSE
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com